As vantagens do LASIK a laser

A oftalmologia é responsável por várias inovações na área da Medicina. No final de 1940, o cirurgião britânico Nicholas Harold Ridley observou que quando os pilotos de avião da II Guerra Mundial eram feridos por fragmentos de plástico (polimetacrilato de metilo – PMMA) da aeronave, não sofriam efeitos adversos da presença destes fragmentos no corpo. A ideia, simples porém genial, serviu de base para diversas áreas da medicina: cirurgia de catarata (a cirurgia mais realizada do mundo), cirurgias ortopédicas, próteses dentárias, etc. Consiste em substituir uma "peça natural" que deixou de exercer sua função por uma ferramenta artificial que funciona.

Em 1993, o residente em Oftalmologista Ronald Kurtz abriu as portas para uma tecnologia sem precedentes: a utilização do laser NIR (near infra-red) de femtosegundo, que utiliza um pulso ultrarrápido, menos de um quadrilhão de segundos de luz infravermelha em uma frequência exata para que ocorra processo de fotodisrrupção, ou seja, a divisão de uma material a nível molecular sem que ocorra grande transferência de calor.

Com este novo recurso (embora ainda escasso no Brasil), as intervenções cirúrgicas na córnea (cirurgia refrativa, implante de Anel Intra-estromal e transplante de córnea) e catarata ganharam muito mais precisão e segurança. Vamos comparar as vantagens da cirurgia LASIK com laser de femtosegundo e com microcerátomo, baseado em artigos científicos. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Suporte para flap

 A tecnologia de lâmina (microcerátomo), ao entrar na córnea compactada, não possui suporte e sua trajetória sofre mais influência das forças atuantes da córnea compactada, o que pode levar à irregularidade e imprevisibilidade do flap. (1)

Velocidade do corte

A velocidade do corte com lâmina de microcerátomo sofre influência da rigidez da córnea, quantidade de tecido exposto ao corte e qualidade da lâmina. Teoricamente, uma passagem mais rápida do microcerátomo pela córnea resulta em lamelas mais finas, porém com maior probabilidade de irregularidade. (1)

Pressão intraocular

Para o microcerátomo produzir uma lamela

corneana sempoder refrativo, é preciso

transformar a superfície anterior

convexa da córnea em uma superfície plana.

Isso é feito elevando-se a pressão intraocular

para uma média de 65mmHg. No entanto,

em estudo realizado por Shyam et all pela revista

 Investigative Ophthalmology & Visual

Science September, mostra a comparação de

pressãointraocular entre LASIK com microcerátomo

efemtosegundo, com redução significante da pressão

intraocular com uso do laser de femtossegundo (2).

Variação na profundidade do flap

O uso do microcerátomo depende da qualidade da lâmina e da quantidade de vezes que a lâmina é usada, perdendo seu efeito a cada corte. Diversos trabalhos mostram que o laser de femtossegundo produz flap de profundidade semelhante entre o primeiro e segundo olho, e alteração significativa com lâminas de microcerátomo, sendo a profundidade mais fina no primeiro olho em relação ao segundo olho. (3)

Aberrações de alta ordem

O método LASIK de cirurgia refrativa é considerado um indutor de aberrações de alta ordem. No entanto, existe uma piora das aberrações de coma horizontal e tifoil (aberrações de alta ordem), quando se utiliza lâmina de microceratomo em comparação com uso de laser de femtosegundo. (4)

Complicações do flap

O risco de complicações do flap é maior com uso de microcerátomo. Entre as principais complicações, incluem: 1) Abraões na córnea, flap incompleto, buttonhole flap (perfuração do disco), flap sem hinge ("free flap"), formato irregular e crescimento epitelial. (6)

Bibliografia

(1): CBO - série oftalmologia brasileira, 4a edição - cirurgia refrativa - 2018,2019 - página 196-200)

(2) ARVO jorunals -In Vivo Real-Time Intraocular Pressure Variations during LASIK Flap Creation Invest. Ophthalmol. Vis. Sci.. 2010;51(9):4641-4645. doi:10.1167/iovs.10-5228

(3) Pietilä, Juhani; Flap Creation in Laser-Assisted in Situ Keratomileusis From microkeratome to femtosecond laser

Copyright ©2012 Tampere University Press and the author

(4) Yvon, C et al - Comparison of Higher-Order Aberration Induction Between Manual Microkeratome and Femtosecond Laser Flap Creation -  Journal of refractive surgery (Thorofare, N.J.: 1995) 31(2):130-5 · February 2015

(5) Ramilton, R. Creating LASIK Flaps: Femtosecond Laser vs. Mechanical Microkeratome; AAO 2007.

Acesse o site e acompanhe os vídeos: https://theeyecenter.com/intralase/

Converse com seu médico oftalmologista para mais informações.

Esta publicação tem intuito informativo sem conflito de interesses.

Vídeo ilustrativo: LASIK com laser  femtosegundo

Vídeo ilustrativo: LASIK com lâmina microcerátomo

Av. Comendador José da Silva Martha 10-35 (Dr Jorge Germano e Dr Renato Germano)

Rua Floriano Peixoto 18-08 (Dr Flávio Rodrigues e Silva)

Rua Floriano Peixoto 18-14 (Dr Kleber Giafferis)

Rua Floriano Peixoto 18-20 (Dr Rogério Kawai)

Rua Floriano Peixoto 18-26 (Dr Daniel Mattos Silva)

Tel: (14) 3234-4442

Tel: (14) 3234-2822

Tel: (14): 3234-8288

Tel: (14) 3241-1248

Tel: (14) 3010-9191

Top 5 assuntos mais vistos

Cirurgia de catarata a laser

Cirurgia Refrativa LASIK

Plástica ocular

Laser para glaucoma (SLT)

Residência médica

Nossos serviços

Horário de atendimento

Segunda-feira                      06:40 - 18:00

Terça-feira                           06:40 - 18:00

Quarta-feira                         06:40 - 18:00

Quinta-feira                         06:40 - 18:00

Sexta-feira                          06:40 - 17:00

​Sábado                               08:00 - 12:00                        

©  CENTRO DE EXCELÊNCIA EM OFTALMOLOGIA - BAURU                                         

  • Facebook CEO Bauru
  • Instagram CEO Bauru